Fale com a Prefeitura Atendimento das 8:00 às 12:00h - 13:00 às 17:00h
Prefeitura Sarutaiá
(18) 3639-9000

Prefeitura de Aracanguá e Polícia Ambiental realizam palestra de conscientização VOLTAR

A prefeitura de Santo Antônio do Aracanguá realizou, por meio do departamento do Meio Ambiente e Turismo e em conjunto com a Polícia Militar Ambiental, na última sexta-feira (10), na câmara dos vereadores, uma palestra de conscientização com moradores para tratar sobre o tema “Legislações Ambientais em face da área urbana e rural do município”. 
A palestra, que contou com a presença do prefeito Rodrigo Santana (DEM), do vice-prefeito Roberto Doná, do presidente da câmara, José Bernardes Figueiredo (PSDB) e dos vereadores: Maurício da Ambulância (PSDB), Zé Néca (DEM) e Zé Di Zena (PSB) e da presidente da Colônia dos Pescadores de Santa Fé do Sul, Laurice Yioko Arita, foi ministrada pelos policiais militares ambientais, Tenente Antônio Carlos de Oliveira Hofmann e Sargento Cléberton José Ferreira, além do engenheiro agrônomo da prefeitura, Francisco Carlos Chiquito Magosteiro, que também ajudou a organizar o evento ao lado do diretor do departamento do Meio Ambiente e Turismo, Marcelo Martins Chibeni.
Durante a abertura, o prefeito Rodrigo Santana, que acompanha de perto as ações ambientais no município, destacou a importância da palestra voltada para o esclarecimento da legislação e ressaltou o expressivo público presente no evento que reuniu cerca de cem participantes entre pessoas da comunidade, servidores públicos, proprietários rurais, pescadores, representantes de condomínios e de moradores ribeirinhos que vivem às margens do Rio Tietê e afluentes. 
O prefeito ressaltou ainda a preocupação recorrente de sua gestão nos cuidados com as questões ambientais em todos os setores do município. “Essa união entre os órgãos com esclarecimentos e orientações sobre as leis criadas com o intuito de proteger e reduzir as consequências de ações que agridem a natureza, são de extrema importância para que tenhamos uma cidade comprometida com a defesa do meio ambiente”, enfatizou.
De acordo com o diretor do departamento de Meio Ambiente e Turismo, Marcelo Martins Chibeni, o intuito é levar um pouco mais de conscientização sobre as leis que regem as questões ambientais, para que as pessoas possam entender o valor da preservação dos recursos naturais, com foco na construção de um planeta melhor para as futuras gerações. “O nosso objetivo é minimizar as agressões ambientais e promover o equilíbrio das relações entre homem e a natureza”, afirmou. 
Entre os pontos abordados estão as Legislações Ambientais Nacional, Estadual e Municipal; pesca predatória; os meios de fiscalização da Polícia Ambiental e do município; trabalho preventivo e punitivo da Polícia Ambiental; licenciamento ambiental; competência do município e do Estado frente às normas, poda e supressão de árvores no município.